Conheça também outros projetos da ABIVIDRO:

Com balanço positivo, Dia do Vinho projeta expansão nacional em 2016

junho 18, 2015 Deixe seu comentário »
Com balanço positivo, Dia do Vinho projeta expansão nacional em 2016

Contato ao vivo com chefs celebrados, meia maratona, feiras em espaços públicos e estreia paulista foram os grandes destaques

Outros polos turísticos enogastronômicos do Brasil já estão na alça de mira dos organizadores do Dia do Vinho para 2016. Com data definida, de 20 de maio a 5 de junho, o objetivo agora é trazer novas regiões para o bloco de realizadores do evento que integra três cadeias econômicas simultâneas composto por Rio Grande do Sul (Serra – Uva e Vinho, Campanha Gaúcha e Porto Alegre) e, a partir de 2015, São Paulo (Roteiro do Vinho de São Roque). A ideia de expansão que se ensaiava há algum tempo adquiriu este ano um forte respaldo nos números.

Em Porto Alegre, por exemplo, a feira de vinhos realizada na Usina do Gasômetro atraiu 40 mil pessoas e comercializou mais de 28 mil garrafas de derivados da uva em apenas cinco dias. Em Caxias do Sul, situação similar: em três dias, a Feira do Vinho na Praça Dante Alighieri registrou público de 25 mil pessoas, vendas de mais de 23 mil litros de vinhos e sucos, e, num caso sem precedentes, o surgimento de uma edição extra do evento dentro do próprio evento – a Feira do Vinho foi estendida pela prefeitura à Praça da Bandeira, uma semana depois, no embalo do sucesso da original.

Outro êxito veio das novidades da programação, que chegou a inéditos 15 dias e 250 estabelecimentos envolvidos e contemplou propostas tão diversificadas quanto uma meia maratona e um reality show de alta gastronomia. No Vale dos Vinhedos, 1,4 mil corredores inscreveram-se na Caixa Wine Run. Enquanto 1,3 mil pessoas participaram das aulas-show ministradas pelos chefs Ana Luiza Trajano, Ivan Achcar, Emmanuel Bassoleil, Katia Barbosa e Yann Corderon no projeto Mesa Ao Vivo Serra Gaúcha, integrado à programação da Expobento, em Bento Gonçalves.

“Esses ótimos resultados que estamos anunciando se devem ao envolvimento de todas as pessoas que formam o setor vitivinícola, incluindo o enoturismo e a gastronomia. Agora, o desafio é estender as comemorações para todo o Brasil”, projeta o presidente do Conselho Deliberativo do Ibravin, Moacir Mazzarollo, enfatizando a ampliação de dias na programação e de municípios das regiões da Serra – Região Uva e Vinho, com destaque à estreia de Veranópolis, e da Campanha Gaúcha nas comemorações do Dia do Vinho.

Graças à proposta de eventos integrados, o Dia do Vinho também compartilha vantagens com as festividades de cada município participante. Um exemplo é o que aconteceu em Flores da Cunha, onde as cerca de 30 mil pessoas que circularam pela cidade durante a romaria de Corpus Christi puderam aproveitar hotéis, restaurantes e vinícolas com tarifas promocionais, descontos e cardápios especiais.

“A nossa maior satisfação é ver o crescimento das ações a cada ano. Quanto mais gente envolvida, mais gente beneficiada. Os estabelecimentos estão entendendo melhor o que oferecer e como aproveitar o Dia do Vinho para se relacionar com o cliente. As duas semanas e o nível de programação que tivemos em 2015 são um grande estímulo para levar a iniciativa para todo o Brasil”, avalia o presidente do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (SHRBS) Região Uva e Vinho, João Antônio Leidens.

Da pequena Antônio Prado, a agroindústria Pérola da Terra oferece um dos melhores exemplos de evolução entre os participantes. Engajada no Dia do Vinho há três edições, a microempresa familiar obteve em 2015 aquele que qualifica como seu melhor resultado. Para isso, apostou em um pequeno ajuste nas próprias atrações, com base na experiência de anos anteriores. Passou a combinar a visitação à propriedade com uma oficina de aromaterapia e um café-da-tarde recheado de produtos coloniais de origem orgânica:

“Mudamos o cardápio, combinamos atrativos diferentes e também contamos com boa divulgação. A oficina de aromaterapia chegou a 19 participantes, quase o dobro da capacidade inicial, que era de 10 pessoas. O café-da-tarde, previsto para 20 pessoas, chegou a 26”, comemora a proprietária da Pérola da Terra, Jocelei Forlin.

Uma surpresa no balanço da organização ainda estava reservada pelo estreante do projeto em âmbito nacional. No Roteiro do Vinho de São Roque (SP), o volume de visitantes durante as duas semanas de Dia do Vinho cresceu 35%.

“Antes do evento, calculávamos em torno de 25% de crescimento, mas fomos além. Isso afirma a qualidade e a importância do nosso turismo em São Paulo””, comemora o presidente do Roteiro do Vinho de São Roque, José Luiz Marchi.

DIGNOS DE BRINDE
Números em destaque no Dia do Vinho 2015

40 mil pessoas
passaram pela Feira do Dia do Vinho, na Usina do Gasômetro, em Porto Alegre, onde

28 mil garrafas
de produtos vinícolas foram comercializadas em cinco dias

25 mil pessoas
passaram pela Feira do Vinho na Praça Dante Alighieri, em Caxias do Sul, onde

23,2 mil litros
de vinhos e sucos de uva foram vendidos em três dias

1,4 mil competidores
disputaram a meia maratona Caixa Wine Run pelo Vale dos Vinhedos

1,3 mil pessoas
acompanham as aulas-show da primeira edição do projeto Mesa Ao Vivo Serra Gaúcha

900 pessoas
prestigiaram o festival Emoções no Vale, no Spa do Vinho

650 pessoas

participaram do Jantar do Codeguin, uma festa paroquial de Bento Gonçalves

35%
aumentou o número de visitantes no Roteiro do Vinho de São Roque (SP). A expectativa inicial era de 25%

Sobre o Dia do Vinho

O Dia do Vinho é realizado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio do Rio Grande do Sul e pelo Sindicato dos Hotéis Restaurantes Bares e Similares Região Uva e Vinho (SHRBS), como resultado do Projeto Eventos Integrados e Integradores – reinterpretação da concepção de evento, fomentado pelo Ministério do Turismo. A lei que instituiu o Dia do Vinho no Rio Grande do Sul no primeiro domingo de junho de cada ano foi promulgada em 12 de dezembro de 2003. O projeto partiu do então deputado estadual Iradir Pietroski (PTB).

A edição 2015 tem apoio das prefeituras municipais de Antônio Prado, Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Farroupilha, Flores da Cunha, Garibaldi, Monte Belo do Sul, Pinto Bandeira e Veranópolis, além da Associação Farroupilhense de Produtores de Vinhos, Espumantes, Sucos e Derivados (Afavin), Associação dos Produtores de Vinhos de Pinto Bandeira (Asprovinho), Sindicato da Indústria do Vinho, do Mosto de Uva, dos Vinagres e Bebidas Derivados da Uva e do Vinho do Rio Grande do Sul (Sindivinho-RS), Roteiro dos Vinhos de São Roque/SP, Vinhos da Campanha Gaúcha, Atuaserra, Bento Convention Bureau, Caxias do Sul Convention & Visitors Bureau, Phoenix Eventos e Verallia.

Foto: Rosângela Longhi/ Conceitocom Brasil

Publique seu comentário

Posts Relacionados