Conheça também outros projetos da ABIVIDRO:

Os “Caminhos para a Construção de um Mundo Melhor” serão discutidos no Sinduscon-GO

junho 8, 2015 Deixe seu comentário »
Os “Caminhos para a Construção de um Mundo Melhor” serão discutidos no Sinduscon-GO

O Sindicato da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Sinduscon-GO) realiza no próximo dia 11 de junho o 4º ECOS – Encontro sobre Construção e Sustentabilidade, das 08 às 19 horas, na sede do Sindicato. O encontro constitui um fórum permanente de discussão das interferências socioambientais da construção.

Os “Caminhos para a Construção de um Mundo Melhor” será o tema central da quarta edição do evento, projetado de forma a apresentar para o meio técnico as tendências nacionais e internacionais que estão sendo desenvolvidas e implementadas pelas cidades para a promoção da sustentabilidade, adaptabilidade e resiliência no ambiente urbano e que irão orientar os novos projetos. Também serão discutidas novas tecnologias, boas práticas e iniciativas das empresas construtoras para reduzir, mitigar e eliminar as interferências socioambientais da construção.

O tema central propõe um debate atual em um contexto em que se veem mais crescentes as exigências legais e a pressão da sociedade, cada dia mais consciente das questões sociais e ambientais e do seu papel na hora da compra, condições estreitamente ligadas à competitividade e que devem ser tomadas como estratégicas para a continuidade do negócio.

Acompanhando essa tendência, grande parte dos executivos acredita que o setor imobiliário e de construção civil deverão ser os com maiores dificuldades para sobreviver nos próximos anos. Caberá, portanto, às empresas da cadeia do setor construtivo adotar novas estratégias e tecnologias para criar e manter projetos sustentáveis, mesmo no atual panorama de desaquecimento da economia, crise política e outros cenários desafiadores, na busca pelo atendimento das expectativas ambientais do seu nicho de mercado e pela sustentabilidade da cidade.

Dentre os objetivos do 4° ECOS destacam-se:

  • Evidenciar que a sinergia entre o poder público e a sociedade organizada pode desencadear ações para promoção da qualidade de vida da população aliada ao desenvolvimento social, urbano e econômico;
  • Apresentar sob o ponto de vista do empreendedor e dos agentes financiadores de projetos e construções as vantagens dos empreendimentos sustentáveis;
  • Impulsionar as empresas do setor da construção na reestruturação sustentável de seus negócios, diminuindo custos e inovando em processos, tecnologias e serviços.

PROGRAMAÇÃO

O 4º ECOS contará com três painéis: Cidades Sustentáveis, Negócios Sustentáveis e Construção Sustentável, quando serão abordados os seguintes temas:

  • Lançamento da Coletânea da Legislação de Fiscalização de Posturas de Goiânia, por Allen Anderson Viana,secretário municipal de Fiscalização de Goiânia;
  • A participação efetiva do setor produtivo no planejamento urbano sustentável, com José Carlos Valêncio, vice-presidente da Associação Comercial e Empresarial de Maringá;
  • Construção de projetos urbanísticos colaborativos e sustentáveis, com Guilherme Takeda, diretor da Takeda Paisagismo e Urbanismo, diretor da Charrette.CC e coordenador da charrete, que originou o projeto do Parque do Cerrado, em Goiânia;
  • Tendências inovadoras no desenvolvimento de bairros planejados, com Thomaz Assumpção, fundador e presidente da Urban Systems Brasil;
  • Sustentabilidade em tempos de crise (palestrante a confirmar);
  • Os impactos e custos socioambientais na concessão de crédito, com Jean Rodrigues Benevides, gerente nacional de Sustentabilidade e Responsabilidade Socioambiental da Caixa Econômica Federal;
  • Reestruturação dos negócios para a sustentabilidade, com Rafael Augusto Tello Oliveira, sócio-diretor da NHK Sustentabilidade;
  • Vidros especiais e eficiência energética em edificações, com Fernando Simon Westphal, professor do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);

Reuso eficiente de água em sistemas prediais, com Ricardo Franci, professor do Departamento de Engenharia Ambiental e do programa de pós-graduação em Engenharia Ambiental da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), e sócio proprietário e consultor sênior da empresa Fluxo.

AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL PROMOVIDAS PELO EVENTO

  • Inscrição Social: Destinação de parte das inscrições e de doações dos participantes para o NPQ – Núcleo de Proteção aos Queimados de Goiânia.
  • Gestão de Resíduos: Reciclagem dos banners do evento para produção de aventais e ecobags.
  • Compensação Ambiental: Aquisição de Unidades de Crédito Sustentável (UCS’s), do Programa Brasil Mata Viva (BMV).

Mais informações e inscrições pelo hotsite: http://www.sinduscongoias.com/ecos2/

Publique seu comentário

Posts Relacionados